Blog de Música
27 de Junho de 2007


Vítor Sardinha está a realizar um extenso
levantamento musical.

O último espectáculo de Max com a Orquestra da RDP, no Teatro São Luiz, em Lisboa, ou a actuação de Carlos Menezes, guitarra eléctrica, com essa orquestra, em 1977, na Madeira, são algumas das gravações inéditas que Vítor Sardinha quer trazer para a Região, no âmbito da recolha que realiza em colaboração com a Associação Cultural Encontros da Eira.
"Nas décadas de 50, 60 e 70 os artistas madeirenses gravavam nos estúdios da antiga Emissora Nacional (Antena Um), acompanhados pela sua orquestra. Porque a RDP- Madeira, surge em 1967, mas só a partir de 1980 é que os serviços de música regionais começaram a gravar os seus artistas", explicou o investigador fazendo saber que está autorizado pela Direcção Regional dos Assuntos Culturais não só para prosseguir o projecto como também para ter acesso ao arquivo da Antena Um em Lisboa.
"Pretendo recolher as gravações de Zeca da Silva, Cecília e Gabriel Cardoso, para além de muitos outros nomes e trazê-las para o Centro de Produção da RDP-Madeira, com cópia para a Associação Cultural Encontros da Eira" declarou.
Sardinha disse ainda "que procura registos dos conjuntos Habitat e Mud Revolution" tendo apelado "às pessoas que os tenham que entrem em contacto com a Associação Cultural Encontros da Eira".
Fonte: Diário

publicado por Correcaminhos às 12:50
Olá Vitor
gostaria de o felicitar, não só pela qualidade da apresentação do v/ site, como , e acima de tudo pelo trabalho desenvolvido, e o esforço louvável para trazer os músicos e intérpretes da nossa terra para um patamar prestigiante. Que eles merecem há muito!
Aproveito para informar que nós tbm estivemos no Fórum Fnac no dia 8/Dez.num concerto de apresentação do nosso último trabalho "Entre a Bruma e a Saudade". Bom Ano e felicitações. RM
Rosa Madeira a 11 de Janeiro de 2007 às 15:58
Ninguém pode ficar indiferente ao trabalho desenvolvido por alguém que sem dúvida nenhuma, ficará com um cantinho na história da música madeirense ao recuperar e desenvolver algo que faz parte da nossa identidade.
Fico muito feliz enquanto colega no mundo da música, por saber que num arquipélago em cujas potencialidades poucos acreditam, existem pessoas preocupadas em preservar e sobretudo transmitir a nossa cultura musical.
Espero um dia, poder contribuir tanto como ele para que todos conheçam um verdadeiro tesouro no nosso património.
Bem haja e bem hajam todos quantos se preocupam em fazer boa música aqui na Região.
César a 18 de Julho de 2007 às 17:46
Pesquisa no Blog
 
Quem Somos
CORRECAMINHOS
Blog de Música
email: correcaminhos@sapo.pt
criado em 12 de Julho de 2005
Funchal, Madeira, PORTUGAL
Junho 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
28
30
últ. comentários
Tracey Ullman, no ano de 1984.
Tive uma banda de punk rock na adolescência, adora...
Ei! Preste atenção, o que você diz ser música na v...
Boa noite, o meu filho participou no casting de Ma...
Há muitos países na Eurovisão que nem sabem que Po...
Posts mais comentados
8 comentários
8 comentários
6 comentários
6 comentários